TCM/Ce torna-se refém de uma AVENTURA POLÍTICA – CHANTAGEM AO JUDICIÁRIO E PREJUÍZO AO CIDADÃO

O presidente do TCM, DOMINGOS FILHO, fez relembrar a declaração de Ciro Gomes em 2014 de que se trata de um político “AVENTUREIRO”. Dirigindo uma Instituição desnecessária e recheada de muitos vícios, dentre eles, o de um BELO CABIDE DE EMPREGOS, agonizando em seus dias finais e resistindo em aceitar uma decisão soberana da Assembleia do Ceará que, através de uma PEC, determinou a sua extinção, repassando ao TCE (Tribunal de Contas do Estado) as suas atribuições, gerando uma grande economia ao erário e nenhuma perda de benefício ao cidadão, MANIPULA E TENTA CONFUNDIR A POPULAÇÃO.

Tendo em suas mãos ainda um ORÇAMENTO SUPERIOR a R$ 80.000.000,00 (oitenta milhões de reais), não faz NENHUMA CONTENÇÃO DE DESPESAS, mesmo considerando a gravidade da crise econômica e a instabilidade da Instituição que funciona somente por efeito de uma liminar e ainda promove NOVAS CONTRATAÇÕES DE APADRINHADOS POLÍTICOS, conforme apuramos, incluindo nesse ‘trem’, a esposa de um vereador tauaense.

A decisão do presidente do TCM, diante deste cenário, de “SUSPENDER OS SERVIÇOS AO PÚBLICO EXTERNO” e de recorrer ao STF para recomposição de um orçamento de mais de CEM MILHÕES DE REAIS, somente revela a falta de espírito público do gestor. Qualquer medida tomada no TCM nada significaria se as suas atribuições já tivessem sido repassadas ao TCE, mas, de qualquer forma, esta seria a última a ser apresentada como solução de um problema financeiro que surgisse, independente da nulidade deste órgão e dos custos extraordinários para o erário.    

Admitir FECHAR AS PORTAS, sem essa resistência extremada, seria a melhor DEMONSTRAÇÃO DE RESPEITO AO SOFRIDO CONTRIBUINTE e um ato de cidadania.

Anúncios

SUPLENTE DE VEREADOR REVELA TRAMA DE SEU LIDER POLÍTICO

As REVELAÇÕES são BOMBÁSTICAS e muito comprometedoras! Antes, foram os FG; em seguida, rumores de um IMPEACHMENT, no meio político; agora, são manifestações de um correligionário próximo.

Candidato nas 02 últimas eleições em Tauá, apoiado por DF e Patrícia; funcionário da Vice Governadoria quando Domingos Filho ocupava esse cargo; servidor da Prefeitura de Tauá na gestão Patrícia Aguiar. Esse é o perfil do autor de uma das peças mais completas já divulgadas sobre a atuação de Domingos Filho junto ao TCM.

O texto foi divulgado na sua página pessoal no FACEBOOK. DF é tratado como “o Mago”.
Trechos da publicação, que é longa (e pode ser detalhada em comentários posteriores), seguem a mesma lógica, no geral:

“(…) Ele inflou o ego dos Aguiar de Camocim para alcançar seu objetivo que era ‘furar a fila’ para virar o todo poderoso do TCM” (…)

“Sendo ‘mister President’ poderá botar vários prefeitos, vereadores presidentes de câmara e gestores no ‘bolso’ devido às contas que podem gerar notas de improbidade” (…)

“Poder livrar chefetes políticos do interior da enfadonha improbidade poderá lhe render ‘gratidão’ e ‘simpatia’ para 2018” (…)

Obs.: a nota continua no mesmo tom, mostrando em cada etapa que DF livrou-se dos Ferreira Gomes, como vítima; jogou os Aguiar de Camocim contra os FG e atraiu a ‘oposição’ pra ele.

Conclui, Victor: “astuto, articulado e estrategista”.

Victor (autor) é amigo de DF e da sua família e tem acesso a informações ‘privilegiadas’.

UM VOO EM QUEDA LIVRE – DOMINGOS FILHO AMARGA SEGUIDAS DERROTAS POLITICAS E PERDE FORÇAS

Os episódios recentes comprovam. Primeiro, Domingos é derrotado nas urnas em Tauá, quando se utilizou de seu maior trunfo politico – a sua própria esposa. Em seguida, perde o apadrinhamento e fica órfão no estado. Quando tentou reagir mais uma vez, foi derrotado em disputa de aliados em eleição na Assembleia Legislativa do Ceará.

A nave parece estar perdendo o rumo e faz um pouso de emergência retornando ao ponto de decolagem. O piloto aciona equipamentos, mas, não demonstra a mesma perícia de antes – a máquina moderna lhe parece desconhecida – os comandos não respondem mais.

Domingos retornou aos braços de Eunício menor do que havia saído.

AUDIC MOTA se elege para primeira Secretaria na Assembleia em momento histórico

 

Nos bastidores, o presidente do seu partido, Eunício Oliveira, costurou com Domingos Filho, Conselheiro do TCM/CE, um acordo que tinha como um dos principais objetivos a derrota e isolamento político do deputado Audic Mota.

Enfrentando adversários poderosos, que se uniram para tentar destruí-lo politicamente, Audic mostrou competência e ganhou mais um round.

Eunício, atendendo a um apelo de seu novo e antigo aliado Domingos, pressionou deputados a retirarem apoio já declarado a Audic em troca de uma aliança presente e futura.

A maioria dos deputados do PMDB já havia apontado (e assinado) uma deliberação para indicação de Audic a cargo na mesa diretora. Usando de pressão e de meios pouco republicanos o Senador impôs um vergonhoso recuo de parte dos seus pares.

CAMILO, CID E CIRO GOMES ROMPEM COM DOMINGOS FILHO EM MEIO A RACHA NA ASSEMBLEIA

Marcada para esta quinta-feira, 1º, eleição para a presidência da Assembleia Legislativa já provocou sua primeira baixa na base aliada. Em meio à pesada disputa nos bastidores, foi confirmado nesta quarta-feira o rompimento político definitivo entre os grupos de Domingos Filho (PDT), conselheiro do TCM, e dos ex-governadores Cid e Ciro Gomes (PDT) no Estado.

Atualmente, o grupo dos Ferreira Gomes, que inclui o governador Camilo Santana (PT) e o prefeito Roberto Cláudio (PDT), apoiam reeleição de Zezinho Albuquerque (PDT). Segundo interlocutores, a ruptura ocorre por conta do apoio de Domingos à candidatura de Sérgio Aguiar (PDT) na disputa da Assembleia, que provocou intenso racha na base aliada.

DEPUTADO IVO GOMES ACUSA DOMINGOS FILHO DE PICARETAGEM E CORRUPÇÃO NO TCM

Na noite de hoje, o Deputado Ivo Gomes, irmão de Cid e Ciro, acusou os Conselheiros Domingos Filho e Chico Aguiar de picaretagem no Tribunal de Contas dos Municípios. A direta do deputado veio após a interferência de ambos no processo sucessório da Assembléia Legislativa do Estado do Ceará. Chico Aguiar é pai do Deputado e candidato Presidente Sérgio Aguiar.

“Prefeitos honestos ameaçados, prefeitos picaretas sendo perdoados. Desde q a decisão agrade aos deputados q apoiam candidaturas de interesse dos magistrados.”

Há quem diga nos bastidores da política estadual que essa é a declaração do rompimento dos grupo comandado pelo Conselheiro Domingos Filho com os irmãos Ferreira Gomes.

AGUARDAR PARA VER!!!!